Gatos fazem sucesso nos apartamentos de Águas Claras. Pequeno, calmo, organizado, silencioso e independente, os bichanos agradam sempre

Um dos maiores símbolos dos tempos modernos é viver em pequenos espaços. Não é à toa que os gatos, muitas vezes, acabam sendo escolhidos por aqueles que moram em apartamentos. Quem entende de gatos, sabe que apesar dos pequenos ambientes, eles podem levar uma vida bem divertida.

E nem só de cães vive Águas Claras. É muito comum olhar para as varandas e achar um gatinho tomando um vento ou simplesmente olhando o que acontece mundo afora. Como não é de costume levar os gatos para passear, não é possível notar sua presença.

Nós do site PET MANIA DF, acompanhamos de perto a rotina dos felinos de apartamento e seus donos. Separamos também algumas dicas para marinheiros de primeira viagem.

Fernanda Montenegro com seu gato Romeo

Fernanda Montenegro é moradora de Águas Claras. Apaixonada por gatos, não sabe o que é viver sem seus animais. “Crio gatos desde os 11 anos de idade, para mim é uma paixão. Minha família sempre gostou.” Ela e o marido, dividem a casa com a Sol, uma simpática gata branca com rajadas amarelas; com Minerva, que é tímida e logo se esconde ao ver pessoas estranhas e Romeo, um charmoso gato preto, sociável e dócil.

O gato Romeo

Cada um tem o espaço preferido da casa e apesar viverem em apartamento, eles são dinâmicos e sempre estão brincando com alguma coisa. Fernanda faz um alerta para alguns cuidados, principalmente com a tela de proteção. “É indispensável a tela nas janelas do apartamento. Os gatos são muito curiosos e se qualquer coisa desperta sua atenção, a tendência é eles caçarem, seja qualquer borboleta que pouse na varanda. Já perdi uma gatinha assim, ela pulou do sexto andar” lamenta.

É normal alguns gatos gostarem de passear na coleira, apesar de raro, mas não é o caso da Sol, Minerva, nem do Romeo. Os três felinos tem um quarto reservado da casa, além de um bom lugar para brincar, Fernanda organiza suas caixinhas de areia, para as necessidades biológicas. “Eles gostam sempre de caixinhas e lugares limpos, gatos são muito higiênicos”. E para finalizar nossa visita, ouvimos alguns privilégios de ter gatos. Segundo ela, eles são amorosos, companheiros e demonstram de uma forma bem peculiar seu jeito de gostar. “Existe um mito que diz que gatos adoram o conforto do lugar e não as pessoas. Mas não é verdade, eles são carinhosos e amáveis. São ótimos bichos para criar em apartamento”.

Tatiane Oki com seu gato Petit de cinco anos

Tatiane Oki vive há três anos em Águas Claras. Já morou em dois apartamentos e tem o Petit de cinco anos. Ele foi encontrado ainda bebê na casa de sua mãe, supostamente jogado através de um muro. Tatiane e seu marido, nunca pensaram em ter um gato, mas resolveram se aventurar e presenteá-lo com um novo lar.“Hoje, o Petit é a peça fundamental da casa, em tudo que eu faço ele está por perto”.

O gato Petit de cinco anos

A casa é revestida de pequenas telas para evitar qualquer tipo de perigo. O ateliê da dona é o canto preferido dele no apartamento, é onde fica à vontade e tira duradouras horas de sono.
Tatiane diz que tem cuidado especial com a saúde do seu gato. “Descobri recentemente um oftalmologista para gatos. É muito importante verificar a saúde deles”, reforçou ainda o cuidado para escolher a areia.
Petit é muito dócil e se tem algum tipo de liberdade, gosta de brincar com pequenas mordidas. “O gato tem sua hora de brincar, de dormir, de comer e se acha sempre o dono da casa. Mas é um amor e não vivo sem”.

Telas são importante para que os gatos possam ficar em segurança

Manual “marinheiros de primeira viagem” para gatos de apartamento

Segurança em primeiro lugar

As telas são sempre a melhor opção, não importa o andar em que se viva.Os gatos são caçadores natos e tudo é um novo desafio. O grande problema é que, nos apartamentos, os bichanos podem sofrer graves acidentes caso pulem da janela. O gato está atento a todos os movimentos ao seu redor. Assim, quando ele vê algo se mexendo, não pensa duas vezes e pula na direção do objeto.As telas são baratas e muito rápidas de serem colocadas. Aqui em Águas Claras, numa rápida pesquisa na internet, você encontra diversas empresas que fazem a instalação. É um investimento que salva a vida do seu gato.

Água

Gatos não precisam de muito banho. Eles são limpos e higiênicos por natureza. Banhos são aconselháveis para as épocas de trocas de pelo, geralmente indicado para gatos mais peludos. Um banho a cada dois meses é suficiente. Acostumá-los desde filhotes é essencial para fazer do banho um hábito sem grandes problemas.

Existe uma raça específica para apartamento?

Não existe uma raça específica para viver em apartamento. O mais importante é a forma como os felinos são tratados no ambiente doméstico. O importante é pensar que antes de comprar qualquer bichinho de raça, pensar que existem inúmeros para serem adotados.

Obesidade e diversão

A alimentação dos animais de apartamento deve ser sempre com ração, aquela de preferência do seu bichinho. Para gastar energia acumulada, é importante escolher brinquedos que fuja do tédio.

Criando dois gatos

Felinos criados juntos desde cedo geralmente se relacionam melhor e se tornam ótimos amigos. Já gatos que começam o convívio depois de adultos, tem dificuldade de relacionamento. Eles passam por um estranhamento inicial. Não se assuste, eles fazem barulhos estranhos, mas com o tempo, tudo pode dar certo.

Consultas e Vacinas

Mesmo seu bichinho não saindo de casa, manter as vacinas em dia é essencial. Levar o seu gato para fazer é check-up ajuda a prevenir e verificar possíveis doenças.

Nosso fofo lar!

Gatos adoram dormirem lugares fofos, macios e limpos, seja sua cama ou a cama de alguém. Mas saiba que, se você permitir, isso se tornará um hábito. Uma caixa de papelão com paredes baixas e forradas com um cobertor bem macio, ou mesmo uma cesta de vime com uma toalha molinha são excelentes opções de caminhas e também muito baratas.

Corte as Unhas

Unhas grandes só servem para enroscar em móveis e brinquedos. Já que estamos falando de gatos de apartamento, eles não precisam de unhas grandes. Existem tesourinhas próprias para cortar a ponta das unhas. Preste atenção na parte rósea da unha, pois são veias e não devem ser atingidas.

Caixa de areia

Gatos que vivem em apartamentos fazem suas necessidades nas caixas de areia. Esta “areia”, na verdade, pode ser é argila em flocos, areia sintética, sílica ect. A função é absorver o xixi e “empanar” o cocô. Desta forma, tudo fica sem cheiro e muito fácil de limpar. Basta retirar as “necessidades” e repor a areia.O conteúdo todo deve ser trocado a cada duas semanas, quando a caixa é lavada com água e sabão neutro.

Brinquedos e arranhadores

Se você não oferecer um arranhador para seu gato, ele certamente vai escolher outro objeto para esta finalidade, como o seu sofá, por exemplo. Coloque o arranhador à vista, num local por onde ele sempre passe. Quanto aos brinquedos, você pode gastar uma fortuna em uma bolinha supermoderna comprada em um petshop, mas seu gato gosta mesmo é de coisas simples. Bolinhas de papel amassado, rolinhos de papel higiênico e fitas de presente também funcionam!

Grama, pra que te quero!

Um gato de apartamento sente falta de mastigar “verdinhos”. Comer mato ajuda na digestão do bichano. Você mesmo pode plantar a graminha que é vendida nos petshops e oferecê-la ao seu amigo de vez em quando. Folhas de arroz são muito consumidas pelos gatinhos e simples de fazer em casa.

Gatos são diferentes de cães!

Não espere do seu gato um comportamento tipicamente canino. Convites para passeios, avisos de xixi, rabos balançando com a sua chegada do trabalho. Gatos são diferentes de cães, com comportamentos, brincadeiras e convivência originais. Felinos são discretos e demonstram amor de uma forma menos “escancarada” que os cães. Só quem consegue tirar um ronronado de um gato sabe o quanto isso tem valor!

Por Fernanda Sá | Foto Alex Monteiro
Sugestões petmaniaredacao@gmail.com